carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

Um Violino Para os Gatos

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
Um Violino Para os Gatos

Livro Excelente - 1 comentário

  • Leram
    2
  • Vão ler
    0
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    1

Autor: Lucius de Mello

Editora: Maltese

Assunto: Contos

Traduzido por: Livro Editado em Português do Brasil

Páginas: 147

Ano de edição: 1995

Peso: 190 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 

Excelente
Marcio Mafra
24/02/2007 às 22:10
Brasília - DF

Um violino para os gatos é um bom livro de contos.Na medida em que se lê, vai surpreendendo pelo inusitado dos temas, pelas boas arquiteturas das histórias, pela bizarrice dos personagens e pela riqueza do texto, com imagens e expressões espetaculares.


Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Seis contos, quase histórias: 1) A borboleta e o ditador, 2) Pedra Azul, 3) O moço que engoliu a barata, 4) Tapete em retalhos de fogo, 5) Em nome do padre, da galinha e da cozinheira, 6) A saga dos Laurentis, 7) Ovos com maças, 8) Um violino para os gatos.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

o silêncio começou a fazer barulho de tanto que incomodava...." .

.." As macieiras também sabem o que é bom... É claro que precisam de uma mãozinha do vento, dos pardais, dos beija-flores... Eles levam no bico o orgasmo das plantas. São parceiros incansáveis e imprescindíveis. As macieiras também fazem ménage à trois... Tudo isto aqui deve ter virado uma festa daquelas. Um bacanal na roça... Coisa para mais de uma semana. Tem um vaga-lume me seguindo o tempo todo. É uma fêmea mesmo. Tenho certeza. Não pára de piscar para mim, não quer saber de economizar luz... Acende e apaga a bunda e ainda nem escureceu... Acho que o amor por aqui é iluminado por uma vaga luz luminescente... Estou arrepiado. A impressão que me dá é que o tesão e o orgasmo trombaram no ar e explodiram como bomba... Bomba de perfume de maçã. O meu nariz foi seqüestrado pelo cheiro que sai do corpo dessas frutas. Agora a essência cai como neblina. É perfume que não acaba mais... Gota a gota, o líquido parece ser ejaculado no ar... Vai ver esse odor forte foi se misturando ao gozo verde que brotava das árvores e escorria por trás, por cima, do lado, deixando as macieiras molhadinhas.


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Conto não é o meu assunto preferido em matéria de livro. Todavia, comprei o livro por se tratar de Lucius de Mello, um repórter da TV Globo, tendo sido este o seu livro de estréia.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2020
Todos os direitos reservados.