carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

Ganhar

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
Ganhar

Livro Bom - 1 comentário

  • Leram
    1
  • Vão ler
    0
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    0

Autor: Bernard Tapie  

Editora: Cultura

Assunto: Biografia

Traduzido por: Mirian Paglia Costa

Páginas: 218

Ano de edição: 1987

Peso: 320 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 

Bom
Marcio Mafra
27/07/2002 às 16:35
Brasília - DF
Bernard Tapie, não era um empresário muito bem quisto entre seus pares na França, talvez pela inveja.
Sua façanha mais conhecida era comprar empresas ou negócios falidos e transformá-los em grandes sucessos, através da injeção de recursos financeiros, humanos e administrativos.
Neste livro ele mostra como e porque: por uma ninharia qualquer comprava empresas falidas e as levava ao topo, em pouco tempo. Sua fama começou a extrapolar as fronteiras da França quando Tapie comprou o clube de futebol Olympique de Marseille. Numa parte de seu livro Tapie relata os "cases" e noutra, quase como numa grande lição de auto-ajuda, ensina aos empresários modernos, como se consegue o sucesso. Afirma que "a recompensa" não é o dinheiro, mas o prazer, o jogo, a liberdade, a mobilidade, a faculdade de criar. No entanto, o título que adotou para seu livro, contrapõe este ensinamento. Leitura leve.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

A história de Tapie, francês e sua carreira, feita de derrotas momentâneas, sucessos estrondosos e muita polêmica provocada pelos métodos empregados para conseguir seus objetivos.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Idéias e homens: duas palavras-chaves das tábuas da lei das empresas. Pois de que vale uma boa idéia se ela não encontra aqueles que poderão realizá-la? Pela complementaridade de suas competências, pelo valor de suas habilidades, pela extensão de suas capacidades, os homens e as mulheres que compõem o grupo são, evidentemente, o fator maior do seu sucesso. Toda filosofia empresarial que não considerar que seu mais precioso capital é o fator humano se condena cedo ou tarde à ruína. Sempre seleciono meus colaboradores próximos pelo que realizaram, pelo que os vi fazendo ou pelo que me diziam deles. Funciono à base do amor à primeira vista. Já me aconteceu de recrutar por meio de anúncios classificados, mas nunca para o meu estado-maior. Por exemplo, Noelle Bellone, a "namorada" do grupo, era diretora geral da Leader J et Service e eu tinha visto como trabalhava. Não parei de insistir um minuto para que se juntasse ao grupo, onde agora é secretária geral, encarregada da comunicação. O caso de Alain Jausselme, que se juntou a nós em 1985, é bem exemplar. Ele era secretário geral adjunto do Comitê Interministerial de Reestruturação Industrial (CIRI), diretamente ligado ao Ministério da Economia e das Finanças. Trabalhei com ele num caso e quis continuar. Passei a fazer-lhe ofertas até que um dia ele me disse: "Certo, eu tenho vontade de dar uma virada, mas antes quero um contrato, uma carta de compromisso e acertar meu aviso prévio". Dito de outra forma: ele queria uma garantia antes de dar o grande salto. Respondi para ele: "Está bom. Entregue sua demissão que a gente acerta depois". Foi o que ele fez. Para um funcionário que havia crescido mamando nas tetas do Estado não era nada fácil. Mas, depois de ter conversado comigo, ele entendeu que eu não ia lhe dar carta nenhuma: jamais dei uma carta de compromissos para ninguém. Entre nós, o que existe são compromissos verbais e confiança recíproca. E isso dura há oito anos, sem que eu tenha perdido ou demitido um só dentre eles


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Por volta de 1988/1990 Tapie era o empresário da moda. Todos os jornais ou revista de negócios o mencionavam como exemplo de empresário perspicaz, inteligente, inovador e bem sucedido.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2020
Todos os direitos reservados.