carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

Todos Os Nomes

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
Todos Os Nomes

Livro Bom - 2 comentários

  • Leram
    2
  • Vão ler
    4
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    1

Autor: José Saramago  

Editora: Companhia das Letras

Assunto: Romance

Traduzido por: Livro Editado em Português do Brasil

Páginas: 279

Ano de edição: 1997

Peso: 335 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 


Ótimo
Naara Nunes
07/09/2018 às 15:47
Recife - PE
O livro tem uma história geral simples: O personagem principal, José, é um funcionário público da Conservatória Geral, um cartório de registros, onde estão arquivadas as certidões de nascimento e morte de todos. A história gira em torna de sua aventura atrás dos registros de uma mulher. Mas a simplicidade da história é permeada de grandes reflexões sobre a vida e a morte, a memória, a sociedade, sobre a capacidade do ser humano de conhecer aos outros e a si mesmo.
Uma leitura para quem consegue ver o extraordinário nas pequenas coisas. Todos os nomes é um pequeno retrato do mistério e da busca pela verdade como forças condutoras da vida.

Bom
Marcio Mafra
24/10/2004 às 18:38
Brasília - DF

Saramago, que nasceu em 1922, foi o primeiro português - e único - a receber o Premio Nobel de Literatura, em 1998. Sua vida profissional, onde foi serralheiro, mecânico, desenhista, funcionário público, teatrólogo, jornalista e escritor, só lhe permitiu escrever livros na idade madura. É autor de uns 20 livros que foram traduzidos em muitos idiomas. O "Todos os Nomes", conta a história do escrevente de cartório, que colecionava nomes e notas ali registradas, inicialmente como um simples passatempo. O cometimento de irregularidades vai crescendo, de modo que ele, alucinado, fica parecendo o dono dos destinos de todo mundo, tal qual um Deus podo poderoso, criador do céu e da terra. A história é boa, embora monótona. O autor é festejadíssimo. Um verdadeiro barão das letras, amado por 10, entre as 10 maiores figuras do jornalismo e da literatura do Brasil e de Portugal. Saramago é mais que bom, quem disser o contrário mente. Mesmo assim e apesar disso a leitura de Todos os Nomes é maçante e enfadonha.


Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

A história de José, um escrevente de cartório, colecionador de notas sobre os nomes das pessoas registradas no cartório onde trabalha. Num dia José se atrapalha e acaba por trocar e misturar - como se fora um Deus - os domínios da vida e da morte dos registrados.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Quando acabei de falar, ela perguntou-me, E agora, que pensa fazer, Nada, disse eu, Vai voltar aquelas suas coleções de pessoas famosas, Não sei, talvez, em alguma coisa haverei de ocupar o meu tempo, calei-me um pouco a pensar e respondi, Não, não creio, Porque, Reparando bem, a vida delas e sempre igual, nunca varia, aparecem, falam, mostram-se, sorriem para os fot6grafos, estão constantemente a chegar ou a partir, Como qualquer de nós, Eu, não, Você, e eu, e todos, também nos mostramos por ai, também falamos, também saímos de casa e regressamos, as vezes ate somos, a diferença é que ninguém nos faz caso, Não poderíamos ser todos famosos, Ainda bem para si, imagine a sua coleção com o tamanho da Conservatória Geral, Teria de ser muito maior, a Conservatória só interessa saber quando nascemos, quando morremos, e pouco mais, Se nos casamos, se nos divorciamos, se ficamos viúvos, se tomamos a casar, a Conservatória é indiferente se, no meio de tudo isso, fomos felizes ou infelizes, A felicidade e a infelicidade são como as pessoas famosas, tanto vem como vão, o pior que tem a Conservatória Geral e não querer saber quem somos, para ela não passamos de um papel com uns quantos nomes e umas quantas datas, Como o verbete da minha afilhada, Ou o seu, ou o meu, Que faria se a tivesse chegado a encontrar, Não sei, talvez lhe falasse, talvez não, nunca pensei nisso.


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Não sei porque este livro está cá, o pá.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2021
Todos os direitos reservados.